Empire Notícias

Notícia

Vamos falar de Prevenção ao Suicídio

Portal Empire

Publicidade

Nome do anunciante aqui!

O mês de setembro é destacado para abordar e intensificar a conscientização com a campanha de prevenção, essa data foi criada há 7 anos, e a cada 46 segundos, uma pessoa comete suicídio no mundo, e a cada 42 minutos uma pessoa comete suicídio no Brasil.

O assunto é abordado o ano todo, e devido a pandemia os casos aumentaram, segundo os dados da OMS, 12 mil pessoas tiraram a própria vida este ano.

O Brasil é o campeão mundial em casos de transtornos da ansiedade e o segundo no ranking mundial de transtorno depressivo, essa situação agravou devido a pandemia. Fatores sociais, biológicos e psicológicos influenciam no crescimento e desenvolvimento dos casos. 

Ela atinge todos os níveis, não tem um publico específico, não tem etnia, gênero, idade, cultura, classe social ou econômica. 

O cenário da pandemia foi um gatilho para o aumento dos quadros das doenças, pois o meio ambiente afetou nos novos casos, quem se suicida tem algum transtorno mental.

As pessoas deixaram de buscar ajuda nesse período da pandemia na área da saúde mental.

Se a pessoa em algum momento pensar em suicídio, tem que levar essa queixa para família para buscarem ajuda de profissionais, pois falar que está passando por isso é necessário para agir e buscar uma solução.

Porém, nem sempre é levado em conta ou a sério por familiares e/ou amizades. Infelizmente, a depressão, o transtorno mais comum – e principal causador dos casos, é algo muito das vezes banalizado, e que acaba fazendo pessoas em sofrimento se isolarem mais, e com isso acabar não se tratando.

O problema é sério e tem que ser tratado o mais rápido possível, devemos ter um olhar diferenciado olhando o individuo no todo.

O convívio diário desencadeou vários conflitos, problemas de relacionamento foi um dos problemas que ficou em evidência nesse período da pandemia, pois todos ficaram no mesmo ambiente, os cônjuges, os filhos. A violência doméstica também aumentou, isso afeta muito o emocional.

A pobreza e o desemprego também foi um fator relevante para a piora do quadro da saúde mental, pois essa situação de ficar o tempo todo dentro de casa mexeu muito causando um grande desequilíbrio.

Muitos não se comportavam como deveriam com o horário para as atividades, perderam totalmente o ritmo, trocaram o dia pela noite, se alimentam mal, não tinham horário para dormir e nem para levantar, confundiram esse período com férias, o organismo ficou totalmente desequilibrado.

Esse cenário propiciou o aumento dos casos, isso levou uma junção de emoções que foram vindo a tona. Nos atendimentos que realizei alguns pacientes que tinham depressão, relataram que tentaram suicídio. Quase 100% das pessoas que suicidaram tinham algum transtorno mental.

O medo em buscar ajuda agravou a situação.
A pessoa que comete o suicídio não pensa em tirar a vida, mas sim em precisar de um alivio para dor que está sentindo na sua alma.

Busque ajuda dos Especialistas, ao menor sinal, não deixe a sua saúde para depois, você tem que cuidar do corpo que habita. Caso esteja com problemas e não tenha como recorrer um profissional diretamente, ligue para o Centro de Valorização da Vida discando o número 188.

  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Publicidade

Nome do anunciante aqui!

Publicidade

Parceiro
Nome do anunciante aqui!
Parceiro
Nome do anunciante aqui!

Popular este mês

Publicidade

Parceiro
Nome do anunciante aqui!

Veja também

O sucesso do programa Empire Style está quebrando fronteiras entre a Europa e o coração mineiro
16Dez

O sucesso do programa Empire Style está quebrando fronteiras entre a Europa e o...

Da Europa para Uberlândia, Minas Gerais!

VIVA NOSSA “CONJUGALIDADE” DO DIA A DIA!
11Dez

VIVA NOSSA “CONJUGALIDADE” DO DIA A DIA!

VIVA NOSSA “CONJUGALIDADE” DO DIA A DIA!

MENINA NEM TE CONTO, MEU CORPO FALA!
24Nov

MENINA NEM TE CONTO, MEU CORPO FALA!

Quando eu comunico diferente, quimicamente eu tenho outra performance. Paulo Vieira

Pré lançamento do INSTITUTO HEBE CAMARGO
13Nov

Pré lançamento do INSTITUTO HEBE CAMARGO

Na Casa Floráh em São Paulo espaço super badalado que sempre recebe os melhores eventos da capital .

MAIS NOTÍCIAS

Publicidade

Parceiro
v
Parceiro
dcd
Parceiro
xc
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )